O na íntegra- jornalismo coragem

MENU
Logo
Segunda, 10 de maio de 2021
Publicidade
Publicidade

Política

Câmara aprova requerimento do vereador Flávio Cabanhas, que solicita isenção de juros e multas em IPTU

O requerimento foi aprovado por unanimidade.

200
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Câmara Municipal de Araguaína aprovou no dia 06/04 o requerimento n° 732/21 de autoria do vereador Flávio Cabanhas, que solicita ao Secretário Municipal da Fazenda de Araguaína um Plano de Negociação, Refis Especial, com isenção de juros e multas referentes ao Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) atrasados no Município, referentes a anos anteriores a 2021.

O parlamentar, na defesa de sua propositura, citou, como exemplo, uma senhora moradora do Município que está com muitos débitos do IPTU atrasados e não consegue arcar com as despesas do mesmo e que boa parte da dívida corresponde a juros e multas. O vereador também esclareceu que “o momento em que vivemos é delicado, a pandemia mexeu muito com a economia dos munícipes e a alta dos preços de produtos essenciais está deixando pesado o custo de vida.”

Ainda segundo o vereador, “o perdão dos juros e multas neste momento de instabilidade financeira pode proporcionar inclusive a diminuição da inadimplência, pois incentivará a população a tentar regularizar a sua situação junto ao Município.”

O requerimento foi aprovado por unanimidade.

 

LEIA TAMBÉM:

Em nome do poder, Wagner e Dimas se reúne com ex-presidiario Marcelo Miranda

 

APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa,  O Na íntegra se financia por meio da sua própria comunidade de leitores. Você pode apoiar O Na íntegra  através da Chave Pix: 63992920694

Créditos (Imagem de capa): Internet

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )