O na íntegra - Jornalismo Coragem

Sábado, 26 de novembro de 2022
MENU

Política

CADÊ A POLÍCIA MILITAR E  O GOVERNADOR DO TOCANTINS?

É inaceitável a omissão da polícia e do Governador.

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

No último Domingo, 30, assistirmos cenas de policiais militares agredindo eleitores petistas que comemoravam a vitória de Lula no Tocantins, cadê essa mesma policia (agressiva) que não está em campo para acabar com o caos nas rodovias do Estado e garantir o direito de ir e vir do cidadão?

Cadê a ação rápida do Governo do Tocantins, aliás governador aliado de Bolsonaro. É hora de garantir que a Constituição Federal e a democracia sejam respeitadas.

Não é possível que o Estado, as autoridades policiais se acovardem perante meia dúzia de arruaceiros, é inaceitável a omissão da polícia e do Governador.

Não basta criar grupo de crise para debater a situação, faz-se necessário que o Governador Wanderlei Barbosa determine a imediata ação da polícia militar, assim como a maioria dos governadores do País. Ser chefe de Estado   exigi pulso firme, coragem e acima de tudo comprometimento com a Constituição Federal e com a democracia.

Os bloqueios ferem o direito constitucional de ir e vir, prejudicando a sociedade em inúmeros aspectos e oferecendo riscos, por exemplo, a pessoas que dependem das rodovias para acesso a serviços de saúde e educação, a quem precisa destas vias para acessar seus locais de trabalho, além de incontáveis prejuízos à economia do Estado, que podem comprometer o seu desenvolvimento socioeconômico.

O direito de ir e vir do cidadão brasileiro, um dos direitos fundamentais, está ancorado no art. 5º, inciso XV, da Constituição Federal de 1988, que reza da seguinte forma: “É livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou sair com seus bens” (BRASIL, 1990). Desta forma, subentende-se que todo cidadão brasileiro tem direito de se locomover de forma livre nas ruas, praças, nos lugares públicos, sem medo de ver tolhida sua liberdade.

Créditos (Imagem de capa): Internet

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!